Gestão de Assiduidade: Por que é importante?

7 minutos para ler

Você já faz a gestão de assiduidade corretamente na sua empresa?

A assiduidade é um dos indicadores de produtividade mais significativos de uma organização, pois indica que todos os colaboradores estão cumprindo com as atividades que são propostas diariamente no trabalho.

Quando um profissional é contratado pela empresa é esperado que ele se dedique adequadamente às tarefas de seu cargo para garantir o bom desenvolvimento dos negócios como um todo. É o que é acordado em toda relação empregatícia.

No entanto, há situações em que a produtividade diária do funcionário é comprometida por atrasos ou faltas inesperadas. É claro que tais situações são mais normais do que imaginamos e, geralmente, não causam tantos prejuízos à empresa ou à rotina do funcionário.

O grande problema acontece quando as ausências e atrasos do trabalhador deixam de ser uma exceção à regra e tornam-se um comportamento rotineiro de um ou mais colaboradores.

É aí que entra a importância da gestão de assiduidade como um dos indicadores de desempenho dos colaboradores, pois isso permite avaliar o nível de comprometimento e engajamento das equipes.

Mas como identificar um trabalhador assíduo? Como fazer a gestão de assiduidade de forma prática?

Neste artigo vamos te ajudar a entender como essa métrica funciona e como os gestores do departamento de recursos humanos podem monitorar a assiduidade dos colaboradores diariamente.

Vamos lá?

O que é a assiduidade?

O termo “assiduidade” tem origem no Latim e significa “constância”, “regularidade”, “frequência”. No geral, pode ser utilizada para descrever uma pessoa que cumpre com suas responsabilidades e obrigações de forma constante, com afinco.

Assim, a assiduidade indica se um colaborador está cumprindo com suas tarefas com dedicação e empenho na empresa.

A assiduidade ainda pode ser observada de diversas formas. Se um colaborador tem poucos atrasos e faltas, se dedica às atividades diárias com afinco e sempre tenta entregar os melhores resultados, ele pode ser considerado um funcionário assíduo. 

A expectativa das empresas é de que todos os funcionários sejam assíduos, pois quando o contrato de trabalho é firmado, também é declarado o compromisso do trabalhador em prestar seus serviços da melhor maneira à organização.

Qual a diferença entre pontualidade e assiduidade?

Os termos pontualidade e assiduidade geralmente são usados como sinônimos, mas se você chegou até aqui, já deve ter entendido que a história não é bem assim.

A assiduidade, como você já sabe, significa o comprometimento constante e confiável com as obrigações e responsabilidades. No entanto, nem sempre uma pessoa assídua é uma pessoa pontual!

Pode parecer estranho e é algo incomum, mas a assiduidade não é um sinônimo para pontualidade.

Isso porque a pontualidade está associada ao horário, ou seja, à se ater aos horários dos compromissos, a chegar aos locais na hora acordada. Mas isso não significa cumprir as tarefas de forma constante e confiável.

Deu para entender? Para facilitar, reunimos a seguir alguns termos que podem substituir a palavra “assiduidade”. 

  • Dedicação;
  • Constância;
  • Rigor;
  • Obstinação;
  • Precisão;
  • Frequência.

Observe que tais palavras, contudo, não podem ser usadas como sinônimos de “pontualidade”, pois o significado desta palavra não seria mantido caso substituído por qualquer uma das expressões acima.

De qualquer forma, é importante ressaltar que ambas palavras caminham de mãos dadas, mesmo não significando a mesma coisa, pois é extremamente difícil e raro que um trabalhador seja muito assíduo, mas pouquíssimo pontual e vice-versa.

Ambas métricas devem ser avaliadas separadamente, uma para a gestão de assiduidade e outra para a gestão de pontualidade, para, então, serem cruzadas.

Como posso saber se meus colaboradores são assíduos?

O departamento pessoal e os profissionais de recursos humanos nem sempre têm facilidade para realizar avaliações de assiduidade entre os colaboradores, porque a assiduidade é uma métrica que pode ser influenciada por muitos fatores.

Pode ser muito mais fácil para os colaboradores avaliarem a assiduidade uns dos outros dentro das próprias equipes, pois estão muito mais conectados às entregas diárias de seus times.

De toda forma, há estratégias que podem auxiliar gestores a construir uma gestão de assiduidade sólida e eficiente.

Uma dessas estratégias é conduzir pesquisas de satisfação interna com os funcionários, pois isso ajuda a mapear pontos positivos da empresa e pontos que podem ser melhorados para aumentar o engajamento dos profissionais, pois um dos fatores que podem diminuir a produtividade interna é a insatisfação com a empresa.

Nessa pesquisa podem ser incluídas perguntas como:

  • Como está o relacionamento entre seu os gestores da empresa e sua equipe? Como é a relação entre a liderança direta e seu time? Há alguma dificuldade de comunicação?
  • Existem conflitos dentro das equipes? Como é o relacionamento entre os pares?
  • Há algo nas instalações da empresa que pode estar dificultando o desenvolvimento das atividades? (Ex.: iluminação, ventilação, equipamentos, etc).
  • Algum departamento ou colaborador está sobrecarregado? É necessário contratar mais funcionários para a equipe?
  • Você ou sua equipe estão fazendo muitas horas extras?

É claro que várias outras perguntas podem ser adicionadas! O ideal é realizar a pesquisa de satisfação para entender o que pode estar dificultando a assiduidade dos trabalhadores para que seja possível traçar estratégias para contornar tais situações.

E como fazer a gestão de assiduidade na empresa?

Você deve ter entendido que é importante realizar a gestão de assiduidade no seu negócio para garantir que os trabalhadores estão satisfeitos e entregarão os melhores resultados possíveis.

Isso ajuda não apenas no resultado dos negócios, como também na construção de uma cultura organizacional sólida e bem estruturada, focada no bem estar do trabalhador e no desenvolvimento de boas práticas para o sucesso.

A melhor solução para fazer a gestão de assiduidade dos funcionários nas empresas é apostar num bom controle de ponto, uma vez que esse tipo de sistema permite que o departamento pessoal e os profissionais de RH acompanhem os horários de entrada e saída dos funcionários, bem como seus intervalos intrajornada, horas extras, etc.

Além disso, ter o registro destes dados armazenado de forma segura auxilia os gestores na análise da assiduidade e pontualidade dos colaboradores, pois mostra as evoluções de suas rotinas com clareza e objetividade.

Mais do que isso, na verdade, um controle de ponto eficiente ajuda os gestores a calcular muitas verticais que impactam diretamente nos resultados dos negócios, como o índice de absenteísmo, a quantidade de adicionais noturnos que estão sendo pagos, os atrasos dos funcionários, entre outros fatores.

A mywork pode te ajudar com tudo isso! Nosso sistema de controle de ponto online permite que os trabalhadores registrem seus pontos diários através de um aplicativo no próprio celular e os gestores podem ter acesso a todos os pontos batidos.

Ademais, os gestores podem identificar situações de faltas não justificadas, atrasos frequentes, horas extras e diversas outras informações sobre a jornada de trabalho de cada um dos profissionais.

Você pode melhorar sua gestão de assiduidade e de seu departamento pessoal hoje mesmo. Clique aqui e teste o sistema de controle de ponto online da mywork gratuitamente durante 15 dias!

Por que devo me preocupar com a gestão de assiduidade?

Quando a empresa identifica problemas relacionados à assiduidade dos funcionários com antecedência, é muito mais fácil traçar estratégias para contorná-los.

Isso ajuda a evitar problemas maiores, como o abandono de emprego, e ainda garante que a empresa está desenvolvendo uma cultura de valorização do capital humano.

Posts relacionados

Deixe um comentário